20 C
Rio de Janeiro
sexta-feira, 17 setembro, 2021
spot_img

Como iniciar projeto de Horta Urbana Comunitária

Quer iniciar uma horta urbana comunitária em sua cidade? Confira nesse post dicas para realização desta ideia incrível!

A cada dia se faz mais necessário viver de uma forma sustentável e estabelecer uma relação mais próxima da natureza e com o meio em que vivemos. Devido a cultura dominante, é muito fácil esquecer que o alface embalado em plástico que compramos do mercado saiu da terra e teve toda uma cadeira produtiva até que chegasse em sua mesa.

Os benefícios de uma horta urbana comunitária

1- Diminuição da pegada de carbono: o alimento percorre um caminho muito mais curto para chegar até você.
2- Diminuição do uso de plástico para embalar alimentos: colher fresquinho e já levar para casa sem necessidade de embalar em plásticos.
3- União da comunidade: fortalecer os laços comunitários através do cuidado da horta e venda dos produtos
4- Soberania alimentar: produção local de alimentos saudáveis.
5- Resgate de saberes de cuidado com a Terra: inspiração para toda a comunidade para voltarem a terem hábitos de cultivo local.
6 – Estimula a educação alimentar e ambiental: é possível trazer visitar ecopedagógicas para a horta!

Agroecologia: repense sobre a origem de seu alimento

Então, saiba agora o que você precisa para iniciar o projeto de uma Horta Urbana.

Encontre o local

Mesmo que a ideia da horta seja uma iniciativa pessoal, você pode procurar pelo poder público (a prefeitura de sua cidade) para implementar a horta. O terreno usado pode ser um terreno baldio cedido pela prefeitura, ou um terreno particular cedido por alguém interessado em executar a horta.

Encontre pessoas interessadas em participar do projeto

Uma horta comunitária, pode ser iniciada através de diversas alternativas, como a união da comunidade e de pessoas interessadas em cultivar alimentos de qualidade de forma comunitária. Com pessoas engajadas e comprometidas o projeto tende a ser mais fácil para todos os envolvidos.

Cuidados com a horta

Após definido o local de instalação da horta, e de ter encontrado as pessoas engajadas para fazer acontecer a horta urbana comunitária, é a hora de definir os cuidados essenciais com a horta e as regras básicas de cuidado, como por exemplo não usar venenos e agrotóxicos no cultivo para garantir a saúde da produção.

Mãos na Terra!

A parte mais divertida e terapêutica sem dúvidas é colocar as mãos na Terra e começar a executar o projeto. Defina os canteiros, o que irão produzir e não se esqueçam de diversificar e utilizar modelos de plantio agroecológicos. Lembrem-se de reservar um espaço para a composteira para aproveitar os resíduos de alimentos e criar mais solo fértil com os resíduos que serão compostados.

Boa sorte! Se você executar o processo de horta urbana comunitária utilizando nossas dicas, contate o Instituto Pindorama para nos contar sobre sua história! Vamos adorar conhecer seu projeto de Horta Urbana Comunitária.

E se você deseja aprender a produzir alimentos orgânicos de forma agroecológica venha aprender com nossos cursos online como produzir alimentos de qualidade e livre de venenos.

Clique aqui para saber mais sobre nossos Cursos Online.

Nilson Dias
MBA em Gestão de Projetos pela FGV, fez a transição com apenas 25 anos de idade quando encerrou seu ciclo em uma multinacional e tornou-se fundador do Instituto Pindorama, uma organização sem fins lucrativos que promove a educação para sustentabilidade e qualidade de vida que já auxiliou centenas de pessoas a realizarem seus sonhos.

Artigos Relacionados

Siga o Instituto Pindorama

325,429FãsCurtir
215,000SeguidoresSeguir
109,000InscritosInscrever
spot_img

Relacionados